Salão do esporte recebe 68 mil visitantes e fica na Bienal em 2013

[Por Brasilturis, 18/07/2012]
A segunda edição do Brazil Sports Show recebeu nos quatro dias o evento 68 mil visitantes – mil a mais que no ano de estreia, em 2011. “A diversidade das nossas 11 feiras temáticas foi o principal mote do evento”, explica o gerente de Marketing e Planejamento Estratégico da Esfera BR Mídia, organizadora do Brazil Sports Show, Eduardo Rodrigues.
“Tivemos dezenas de esportes representados no encontro, e novamente levamos mais de 100 atletas de ponta e ídolos. Além disso, o público pôde escolher entre cerca de 2 mil produtos a venda e também foi possível participar de mais de 250 atividades esportivas. Tudo isso possui um apelo muito grande para o fã de esporte, uma grande tribo que gosta de ver, praticar e consumir seu esporte preferido. Nós oferecemos tudo isso”, detalha Rodrigues.
No dia 17, os organizadores anunciaram que o Brazil Sports Show permanecerá na Bienal do Ibirapuera em 2013. “A Bienal tem se mostrado o local ideal para o nosso evento”, disse o diretor de Operações da Esfera BR Mídia, Pedro Telles. “Ela possui algumas características que incrementam o evento: é em uma região central, o prédio possui vários níveis, casando bem com nosso formato de segmentação em feiras distintas. É muito importante também o fato de ser dentro do Parque do Ibirapuera, um tradicional reduto de praticantes de esporte. Então, o local é perfeito para um salão com o perfil que temos”, complementa o executivo.
Em uma área de 20 mil m² o público circulou pelas quadras, estandes e espaços temáticos das feiras Running Show, Universo Futebol, Universo Olímpico, Bike Show, Fitness & Nutrition, Outdoor Life, Universo Radical, Mundo Aqua, Mundo Surf, Brazil Sports Fight e Sports Supply. Também foi possível participar do Brazil Sports Summit, um congresso para profissionais e praticantes amadores. No total, o congresso e os workshops e clínicas ministrados por mais de 200 técnicos e especialistas geraram um número superior a 165 horas de instrução, beneficiando 5 mil interessados.
“Os negócios gerados pelo evento chegaram a R$ 28 milhões”, diz o diretor Executivo da Esfera BR Mídia, Felipe Telles. “Durante os quatro dias, conseguimos ser o centro do mercado esportivo do país. Isso é um sinal de que o evento, apesar de ter realizado apenas duas edições, é uma realidade consolidada no mercado”, informa. Ainda segundo Telles, além dos negócios, também foi incentivado as práticas saudáveis, foram realizadas competições oficiais e resgate da história do esporte, celebrando grandes nomes do passado. “Ídolos e fãs se encontraram nos corredores, e isso é algo que não se vê todos os dias – como se diz por aí, é algo que não tem preço para os fãs. Juntando tudo, temos um evento único no País”, complementa Telles.