Investimentos para o turismo de Brasília

[Por Brasilturis, 27/06/2012]
A Secretaria de Turismo do Distrito Federal (Setur-DF) obteve recursos ,junto ao Ministério do Turismo, para seguir com três projetos que irão preparar a cidade com excelência para um maior fluxo de visitantes. Os R$ 3 milhões captados serão utilizados revisão da sinalização turística, de obras de acessibilidade e de aquisição de vans para o funcionamento de Centros de Atendimento ao Turista. A maior parte será destinada à sinalização turística, um dos setores com mais reclamos em melhorias.
O objetivo é facilitar a localização e o deslocamento dos visitantes ao longo do Eixo Rodoviário, monumentos e atrativos. 1.011 placas serão implatadas, entre interpretativas e turísticas.
Os pontos destacados como foco do projeto de sinalização também serão beneficiados pelo plano de adequação dos espaços para receber pessoas com deficiência e com mobilidade reduzida. Também para tornar a estadia do turista mais ágil e, ao mesmo tempo, avançar na divulgação dos atrativos da cidade, inclusive entre seus próprios moradores, a Secretaria de Turismo do DF irá disponibilizar informações de maneira itinerante.
O valor liberado pelo Ministério do Turismo também será empregado para a aquisição de duas vans, que funcionarão como Centros de Atendimento ao Turista Móveis. A ideia consiste em manter as unidades com atendentes capacitados nos pontos de maior movimentação turística, já na Copa das Confederações. Os veículos deverão ficar posicionados nas proximidades do Estádio Nacional de Brasília, Fan Fest, no caso da Copa do Mundo, e outros lugares. “As unidades móveis têm como benefício o fácil e rápido deslocamento a fim de ir ao encontro do público alvo, turistas nacionais e estrangeiros em visita a Brasília.”
Janaína Santiago. “Uma unidade móvel bem equipada, com possibilidade de projeção de vídeos, bancadas de apoio, ambiente de recepção, material impresso de divulgação e atendentes bem preparados é chamariz e ferramenta indispensável para promoção do turismo Brasília, na abertura da Copa das Confederações como sede da Copa do Mundo e de outros eventos de grande porte.” Afirma Janaina Santiago, subsecretária de Promoção e Eventos.