GL events investe mais de R$ 160 milhões no Rio de Janeiro

A GL events Brasil vai ampliar seus investimentos no Rio de Janeiro para ajudar a cidade a se preparar para os megaeventos internacionais dos próximos anos, como Copa do Mundo e Olimpíadas. Serão R$ 160 milhões até 2014. A maior parte desse aporte vai para a construção de um hotel (R$ 100 milhões), do Comitê Organizador Local da FIFA (R$ 42 milhões) e do Centro de Televisão (IBC) da Copa de 2014 (R$ 8 milhões) no Riocentro.
Com 312 apartamentos, 13 andares, 600 m² de salas de reuniões, dois restaurantes – sendo uma panorâmico na cobertura -, piscina e espaço Fitness & Spa, o hotel começa a ser construído em julho de 2012 e será inaugurado em dezembro de 2013. A unidade será administrada pela Accor, com a bandeira Mercure, e irá gerar 200 empregos diretos após as obras. O projeto de arquitetura do Hotel Mercure Riocentro é assinado por Jean Michel Wilmotte.
Para receber o Comitê Organizador Local (COL) da FIFA, a GL events Brasil começou a reformar o Pavilhão 1 do centro de convenções, onde o COL será instalado, em uma área de 8,1 mil m². Já o Centro de Televisão (IBC) da Copa de 2014 ocupará 80 mil m²: 60 mil m² de espaço coberto, com isolamento acústico no telhado, e 20 mil m² de área descoberta, onde será construído o pátio das antenas de recepção e transmissão dos jogos para todo o mundo. Cerca de 100 TVs internacionais construirão seus estúdios no centro de convenções do Rio de Janeiro, o maior da América Latina.
Expectativa é aumentar em 30% a taxa de ocupação do Riocentro até 2016
Eleito cinco vezes o melhor centro de convenções da América do Sul pelo World Travel Awards, o Riocentro é o principal espaço para eventos administrado pela GL events Brasil. Com infraestrutura e gestão com padrão internacional, o Riocentro se transformou em uma espécie de símbolo do bom momento do Rio de Janeiro na atração de novos investimentos. Em 2011, foi escolhido para sediar a Rio + 20, em 2012, o Centro Internacional de Transmissão (IBC) da Copa do Mundo da FIFA™ 2014 e o Comitê Organizador Local (COL) da FIFA. Além de captar novas feiras de negócios para o Rio de Janeiro e receber a cada ano mais visitantes.
Em 2011, o centro de convenções registrou o maior número de eventos e público de sua história. Mais de 1,8 milhões (1,30 milhão em 2010) de pessoas passaram por 70 feiras, conferências, shows e encontros corporativos nacionais e internacionais. Um crescimento de 11% no número de eventos. Os recordes marcam os cinco anos da gestão GL events Brasil, que administra o centro de convenções desde 2006.
“Com os novos investimentos, nossa expectativa é aumentar a taxa de ocupação do Riocentro em 30% até 2016”, afirma Arthur Repsold, presidente da GL events Brasil.
“Quando assumimos a gestão do Riocentro em 2006, os resultados eram deficitários. Desde então, já investimos cerca de R$ 92 milhões para modernizar o espaço e transformá-lo em um centro de convenções com infraestrutura e gestão de padrão internacional. Agora, serão mais R$ 160 milhões que ficarão de legado para a cidade”, complementa Arthur Repsold.
Ø Estrutura
O Riocentro tem um total de 571 mil m², dos quais 100 mil são de área construída. O estacionamento possui 7 mil vagas que servem a cinco pavilhões para feiras, exposições, congressos, treinamentos, convenções, premiações, lançamentos de produtos e os mais diferentes tipos de eventos. Juntos, eles oferecem estrutura de refrigeração, auditório multifuncional com capacidade para até 4.500 pessoas, divisórias acústicas removíveis, mezaninos climatizados, auditórios para até 400 pessoas, 16 salas modulares com capacidade para 270 pessoas, salão VIP, cozinha industrial, postos de atendimento médico, bureau de segurança estratégica, rede Wi-Fi, estação de telecomunicações, heliponto e um imenso jardim tropical com lago.
Inaugurado em 1977 para preencher a lacuna existente por um centro de convenções de grande porte, o Riocentro participou da vida econômica, política e cultural brasileira nessas mais de três décadas de história. Com a concessão, a GL events Brasil agregou a esse espaço estrutura de padrão internacional e uma gestão profissional.
Ø GL events Brasil
A GL events Brasil é a operação brasileira de um dos maiores grupos mundiais do ramo de eventos, a francesa GL events. Com experiência em organização de megaeventos internacionais – como Copas do Mundo, Olimpíadas, festivais de música e cinema – e administração de 36 espaços em 18 países, a GL events desembarcou no Brasil em 2006. Ao chegar, atuou nos Jogos Panamericanos de 2007 e venceu as licitações para fazer a gestão do Riocentro e da HSBC Arena, no Rio de Janeiro.
Em 2006, a GL events se associou à Fagga Eventos – Fagga l GL exhibitions -, que já acumulava 40 anos de experiência no mercado nacional. Desta forma, a GL events Brasil nasceu com amplo know-how nacional e internacional. Atualmente, tem escritórios no Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte e Bahia, e possui três subsidiárias: a Fagga l GL exhibitions, especializada na organização de feiras e eventos corporativos; a Top Gourmet, provedora de soluções em catering para eventos, alimentos e bebidas; e a AEdita, editora responsável por duas das mais importantes publicações no segmento de beleza (You Brasil e Les Nouvelles Esthétiques).
A GL events Brasil segue um programa global de responsabilidade ambiental idealizado por sua matriz francesa. A intenção é agir no ciclo completo de um evento a fim de minimizar o impacto de sua atividade no meio ambiente. O programa Think Green (Pense Verde) está presente desde a organização e planejamento até a reutilização e gestão do lixo em cada e todo evento realizado pela GL events, no Brasil e no mundo. O Riocentro, por exemplo, conta com uma Estação de Tratamento de Esgotos (ETE) própria, além de parceria com a ONG Tem Quem Queira, que recicla as lonas utilizadas nos eventos.
[Por GL Events Brasil]

1 thought on “GL events investe mais de R$ 160 milhões no Rio de Janeiro”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *