Debate sobre diárias abusivas no RJ chega à Câmara

[Por Hôtelier News, 10/05/2012]
Há pouco mais de um mês, o Ministério da Justiça intimou a FBHA (Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação); o Sindicato de Hotéis, Bares e Restaurantes; e a ABIH-RJ (Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Rio de Janeiro) para prestar esclarecimentos sobre os preços abusivos praticados pela hotelaria carioca durante a Rio+20 (Conferência das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento Sustentável). Agora, a ABIH-RJ e o Fohb (Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil) devem ser ouvidas também na Câmara dos Deputados.
A pedido do deputado Carlos Eduardo Cadoca (PSC-PE), uma audiência pública será realizada para debater o tema, contando com representantes dessas entidades como convidados. Ao contrário do questionamento do Ministério da Justiça, que se referia aos direitos dos consumidores, a preocupação dos deputados é com os próprios bolsos: o presidente da Câmara, Marco Maia, afirmou que a casa não pagará as diárias dos deputados em hotéis durante a conferência.
Referindo-se ao problema dos custos de hospedagem no Brasil, principalmente em períodos de grandes eventos de interesse internacional, o deputado Valadares Filho (PSB-SE) afirmou que integrantes do Parlamento Europeu estão cancelando sua vinda ao Rio+20 por conta do alto valor a ser desembolsado na viagem. As informações são da Agência Câmara de Notícias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *