MTur discute oportunidades na Copa para micro empresas

[Por Mercado e Eventos, 28/03/2012]
As oportunidades de desenvolvimento que a Copa do Mundo de 2014 trará para as micro e pequenas empresas brasileiras foram debatidas hoje (28/03) por especialistas e autoridades públicas reunidas em um dos debates do I Encontro dos Municípios com o Desenvolvimento Sustentável – pequenos negócios, qualidade ambiental e erradicação da miséria, que acontece em Brasília até amanhã. Presente à mesa “Grandes Eventos Esportivos e os Pequenos Negócios”, o secretário-executivo do Ministério do Turismo, Valdir Moysés Simão, destacou que, durante a Copa de 2014, o Brasil terá a grande oportunidade de apresentar ao mundo sua diversidade cultural e gastronômica, e que as empresas de pequeno e médio porte terão papel fundamental neste cenário.
“A cadeia produtiva do Brasil é formada basicamente por pequenos negócios. Já avançamos muito nessa área, mas ainda temos mais de 2 milhões de pessoas, 200 mil apenas no setor de turismo, que ainda podem se cadastrar como microempreendedor individual (MEI)”. A mesa contou ainda com a participação do gerente de Acesso a Mercados e Serviços Financeiros do Sebrae, Paulo César Alvim; do deputado federal Walter Feldman – PSDB / SP; e da prefeita de Natal (RN), Micarla de Sousa.Durante as discussões, foram apresentados os resultados de levantamento recente realizado pelo SEBRAE nas cidades-sede da Copa, que identificou mais de 900 oportunidades de negócios em nove setores da economia – Construção Civil, Alimentação, Turismo, Comércio, Serviços, Tecnologia da Informação, Indústria, Vestuários e Móveis

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *