Desembarques domésticos podem chegar a 80 milhões neste ano

[Por Mercado e Eventos, 31/10/2011]
De acordo com as previsões mais otimistas do Ministério do Turismo, é possível que os desembarques nacionais ultrapassem a barreira dos 80 milhões de passageiros transportados. A estimativa do cenário já dá como certos 79 milhões, mas como a tendência é que o fluxo aumente significativamente nos últimos meses do ano, essa barreira pode sim ser superada, avaliam analistas do setor.
De acordo com dados de setembro, os desembarques de passageiros nos voos nacionais no acumulado dos nove primeiros meses desse ano somaram 58.823.769, um crescimento de 18,67% em relação ao mesmo período de 2010, que totalizou 49.570.980 passageiros.
Com 6.671.663 desembarques domésticos, o resultado de setembro teve uma variação positiva de 10,78% em relação ao mesmo mês no ano passado, quando a marca foi de 6.022.424 desembarques. Um novo recorde na série histórica.
Nos desembarques internacionais, os números também constituem novo recorde: 751.615 desembarques registrados em setembro de 2011, 11,57% superior aos 673.668 do mesmo mês no ano passado. O acumulado nos nove primeiros meses de 2011 foi de 6.741.872, superior em 16,05% aos 5.809.505 no acumulado do mesmo em 2010. A projeção do MTur também é otimista quanto a este setor, que deve fechar o ano com número recorde acima de 9 milhões de desembarques internacionais.
Receita Cambial do Turismo
Já em relação à balança do Turismo, as previsões do Ministério do Turismo apontam para dois recordes históricos também, tanto na entrada de divisas, quanto nos gastos dos brasileiros em viagens ao exterior.
No mês de setembro os gastos de divisas dos turistas estrangeiros no Brasil atingiram a marca de US$ 521 milhões, contra US$ 454 milhões no mesmo mês do ano passado. Este resultado é o melhor da série histórica, um incremento de 14,6%. A expectativa é de que até o final deste ano a marca de US$ 6,6 bilhões seja ultrapassada, superando o recorde do ano passado que foi de US$ 5,9 bilhões. Nos nove primeiros meses deste ano o acumulado já chega a US$ 4,9 bilhões, contra US$ 4,3 bilhões obtidos entre janeiro e setembro de 2010, num incremento de 15,5%.
Já as despesas dos brasileiros em viagens ao exterior em setembro diminuíram um pouco o ritmo, mas nem assim o acumulado do ano foi prejudicado. Contabilizando os US$ 1,7 bilhão registrado no mês passado em compras e gastos pessoais, o acumulado do ano chega a US$ 16,05 bilhões contra US$ 11,4 bilhões registrados nos nove primeiros meses do ano passado. Em 2010, os brasileiros gastaram no exterior US$ 16,4 bilhões marca que certamente já será ultrapassada este mês. A previsão do MTur é que as despesas dos brasileiros no exterior fechem 2011 com gastos acima de US$ 20 bilhões.
Confira, com exclusividade, clicando no link abaixo, o anexo em pdf com os seguintes os gráficos e tabelas do Ministério do Turismo: Receita Cambial Turística no Brasil, variação janeiro-setembro – 2003-2011; Receita Cambial Turística no Brasil, variação janeiro-setembro – 2003-2011; Desembarques de Passageiros em Voos Nacionais e Internacionais, variação janeiro-setembro – 2003-2011; Desembarques de Passageiros em Voos Nacionais, variação janeiro-setembro – 2003-2011; e Desembarques de Passageiros em Voos Internacionais, variação janeiro-setembro – 2003-2011.

1 thought on “Desembarques domésticos podem chegar a 80 milhões neste ano”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *