Entidades projetam qualificação do setor de eventos através do Programa Bem Receber Copa

Qualificar seis mil profissionais vinculados às entidades do setor e mais 19 mil matrículas do trade turístico em geral é o objetivo do Projeto Nacional de Qualificação Profissional da Categoria Turística de Negócios e Eventos Para a Copa do Mundo de Futebol – Bem Receber Copa.
O Projeto prevê uma significativa melhoria na competitividade turística de negócios e eventos através da qualificação profissional. A mais recente reunião de trabalho foi realizada no último dia 7, em Brasília, com a presença do diretor da ABEOC, Nehemias Ramos. Nos próximos dias 20 e 21 ocorrerão novos encontros em Brasília para definir como será feita a operacionalização do Programa, com lançamento previsto para o segundo semestre.
O Programa Bem Receber Copa vinculado ao segmento de negócios e eventos é uma parceria do Ministério do Turismo com a ABEOC (Associação Brasileira de Empresas de Eventos), CBCVB (Confederação Brasileira de Conventions & Visitors Bureau), ABRACCEF (Associação Brasileira de Centros de Convenções e Feiras ) e AMPRO (Associação de Marketing Promocional).
O Projeto vai abranger prioritariamente as 12 cidades sedes da Copa do Mundo de 2014 e os 65 destinos indutores e terá vigência de 18 meses. Serão oferecidos 10 cursos específicos para os profissionais da área, visando a “expertise” do segmento e as peculiaridades de megaeventos internacionais.
Entre as principais vantagens do projeto estão a de oferecer a qualificação via Ensino a Distância (EAD), oferecendo incentivos aos profissionais como flexibilidade do horário de aprendizado, interatividade com o aluno, maior quantidade e qualidade das ferramentas e recursos utilizados no aprendizado.
Atualmente, a indústria de eventos no Brasil é responsável por 727.624 empregos diretos e terceirizados e, conforme os padrões deste setor que considera três empregos indiretos para cada direto e terceirizado, pode-se afirmar que o setor de eventos no país gera 2.910.496 empregos.
Para atingir o salto de qualidade profissional e atender os mais de 870 mil visitantes estrangeiros esperados para a Copa do Mundo de 2014, é preciso ter foco no planejamento, criatividade e inteligência no segmento de eventos, atribuições altamente exigidas do profissional de eventos.
O público-alvo abrange os profissionais de linha de frente, como cerimonialistas, recepcionistas, atendentes, motoristas, coordenador de eventos, especialistas em divulgação e promoção de eventos, fornecedores de marketing de eventos e empresários e profissionais autônomos. Após as atividades de qualificação, será feita pesquisa de aferição dos resultados com o objetivo de avaliar o impacto do projeto, que visa também ampliar as possibilidades de captação de eventos internacionais no Brasil por meio de experiências turísticas bem sucedidas no país.
Com o slogan “O Sucesso do Brasil na Copa está em Nossas Mãos”, o Programa Bem Receber Copa abrange também outras áreas além de Negócios e Eventos, como os segmentos de Alimentação, Transporte, Receptivo, Hospedagem e Entretenimento. O programa está sendo implementado em parceria com entidades integrantes do Conselho Nacional de Turismo (CNT) e pretende qualificar ao todo 306 mil profissionais do turismo até 2013, com metodologia adotada pelo MTur, em cursos presenciais e a distância.

1 thought on “Entidades projetam qualificação do setor de eventos através do Programa Bem Receber Copa”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *