ABEOC discute parceria com Conselho Federal de Administração para fiscalizar eventos sem organizador

A realização de eventos sem uma empresa organizadora responsável é uma prática que a ABEOC visa minimizar. Para isso está conversando com o Conselho Federal de Administração (CFA) a fim de estabelecer uma parceria para que os conselhos de administração façam a fiscalização de eventos realizados sem organizador e prestem assessoria jurídica à ABEOC, entre outras atribuições. No dia 21 de junho, a presidente da ABEOC, Anita Pires, reuniu-se em Brasília com o presidente do CFA, Sebastião Luiz de Mello, na presença do presidente do CRA-SC, José Sebastião Nunes e assessoria jurídica do CFA.
“A Lei Geral de Turismo determina que os eventos tenham organizador responsável, mas o nosso mercado atualmente está muito invadido por não profissionais”, afirma Anita. O presidente do CFA se mostrou interessado em realizar a parceria. O Conselho está analisando o documento com a proposta apresentada pela ABEOC, que por sua vez vai continuar o debate com as estaduais para definir a questão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *