Paraíba terá associação estadual de empresas de eventos

[Por Sebrae, 08/07/2009]
O Brasil está entre os dez países que mais sediam eventos no mundo e a Paraíba cresce no cenário nacional ocupando a 10ª posição como recebedora de eventos internacionais. Com esses dados e perspectivas cada vez mais animadoras, o setor de eventos vem chamando atenção de interessados em alavancar a vida profissional e para os que mantém um sonho de montar seu próprio negócio. A área, no estado, vem se profissionalizando e fez surgir dezenas de empresas especializadas, mas segundo dados da PBTur o estado ainda perde 40 eventos por ano por não ter espaços maiores destinados a eventos de grande porte.
Com o intuito de organizar empresas promotoras e prestadoras de serviços para eventos, a Associação Brasileira de Empresas de Eventos (Abeoc), fundada na década de 70, através de sua presidenta, Simone Saccoman, estará em João Pessoa, nesta sexta-feira, 10, para iniciar as articulações da formatação da associação estadual. Se formalizada, a Paraíba será o 14º estado a instituir uma Abeoc local no Brasil, podendo ter ainda ligações com a Confederação das Entidades de Organizadores de Eventos da América Latina. Simone ainda fará a apresentação para entidades como o Sebrae, Convetion e Visitors Bureau e ABIH-PB de dados sobre o mercado de eventos no mundo globalizado.
“Com a concretização da associação estaremos articulados tanto para cobrar ações de impulsionamento do setor como para certificar os trabalhos desenvolvidos por estes profissionais e empresas. A Paraíba já tem um bom conteúdo, mas precisa principalmente de um espaço maior para receber essa grande demanda e concretizar de vez o turismo de negócios em nosso estado”, comentou Regina Amorim, coordenadora do Curso de Empreendedores em Eventos do Sebrae Paraíba. Ela ainda afirmou que durante o encontro das entidades é que serão definidas as ações para colocar em prática a formatação da Abeoc-PB.
O momento é oportuno para a estruturação de uma rede já que com a criação do Centro de Convenções surgirá a possibilidade de receber cada vez mais eventos de grande porte, movimentando as atividades do setor. O estado também já vem caminhando para se tornar referência no turismo de eventos e espera prospectar 120 acontecimentos, entre congressos, simpósios e leilões, a cada ano até 2010, contabilizando aqui só os oficiais, segundo dados do Sebrae Paraíba. O estado também vem sofrendo um surto de realização dos chamados eventos sociais, como os megacasamentos, festas de debutantes, batizados e formaturas, que se amparam no trabalho de empresas de decoração, aluguel de roupas, fabricação de bolos, festas temáticas, brindes personalizados, entre outros serviços.
Para se especializar- Com o crescimento do setor, cresce também a necessidade de profissionais habilitados e especializados para atuar de forma competente. Buscando essa formação Fillip Miranda, que já era dono de uma empresa de eventos sociais, entrou em um curso oferecido pelo Sebrae Paraíba procurando tanto a reciclagem, como a capacitação para organizar outros tipos de eventos e principalmente a busca pelo o diploma.
O empresário, em seu trabalho final, organizou conjuntamente a 1ª feira do estado totalmente direcionada para o seguimento de casamentos e festas, com a oferta de serviços e produtos para o setor. “Com a especialização que obtivemos no curso ficamos aptos a realizar grandes eventos, como foi o caso da Feira Espaço Noivas e Festas. O sucesso foi tão grande que vamos tocar o projeto extra-classe e ela vai acontecer anualmente, integrando o calendário de eventos da capital. Neste ano a feira acontecerá em setembro”, adianta o ex-aluno e empresário.
O Curso de Formação de Empreendedores em Eventos, oferecido pelo Sebrae, inicia sua turma 2009 neste sábado, dia 11. As inscrições ainda continuam através do 2108-1256 (Regina Amorim) ou pelo e-mail Regina@sebraepb.com.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *